Agências brasileiras estão criando modelos falsas criadas por IA

As modelos criadas por IA estão tirando trabalho das modelos reais?
09/01/2024 às 14:00 | Atualizado há 2 meses
20240109 modelos ia

Nos últimos anos, a tecnologia vem avançando rapidamente e impactando diversas áreas, inclusive o marketing. Uma das principais tendências recentes nesse campo é a adoção da inteligência artificial (IA) como uma ferramenta estratégica para impulsionar as campanhas das empresas. A IA oferece uma série de benefícios, desde a aceleração de processos até a criação de influenciadores virtuais. Neste artigo, vamos explorar como a inteligência artificial está transformando o marketing e como as empresas podem se beneficiar dessa tendência.

O poder da inteligência artificial no marketing

A utilização da inteligência artificial no marketing permite otimizar diversas atividades, desde o planejamento de campanhas até a análise de resultados. Com a ajuda de algoritmos avançados, as empresas podem automatizar tarefas repetitivas, economizando tempo e recursos. Além disso, a IA é capaz de processar grandes volumes de dados em tempo real, o que auxilia na tomada de decisões mais assertivas.

Influenciadores virtuais: a nova tendência

Um exemplo recente é a influenciadora virtual Brenda First, que estreou no Instagram há duas semanas e já conta com quase 10 mil seguidores. Brenda foi criada pelo fotógrafo brasileiro Jacques Dequeker, que utiliza ferramentas de IA generativa para criar imagens e vídeos de alta qualidade.

20240109 foto08emp 101 influ b5
Brenda First, influenciadora de moda virtual: 10 mil seguidores em duas semanas — Foto: iDivulgação

Uma das aplicações mais interessantes da inteligência artificial no marketing é a criação de influenciadores virtuais. Esses personagens são criados por meio de algoritmos e podem ser programados para interagir com o público, promover produtos e serviços e até mesmo participar de eventos. A vantagem dessa abordagem é que as empresas têm controle total sobre esses influenciadores, evitando assim o risco de ter pessoas polêmicas associadas à marca.

Outro exemplo de sucesso nesse sentido é o caso da Lu, personagem criada pelo Magalu. Com apenas 20 anos, Lu se tornou uma figura icônica nas redes sociais, conquistando milhões de seguidores e se tornando uma referência no mundo da moda. A inteligência artificial por trás de Lu permite que ela se adapte às preferências e necessidades do público, tornando as interações mais personalizadas e relevantes.

PUBLICIDADE
Modelo LU do Magazine Luioza
Modelo Lu do Magazine Luiza, foi a primeira famosa feita por IA no Brasil.

Benefícios e desafios da inteligência artificial no marketing

A adoção da inteligência artificial no marketing traz uma série de benefícios para as empresas. Além da automação de tarefas e da criação de influenciadores virtuais, a IA também pode auxiliar na segmentação de público, na personalização de experiências e na análise de dados. Tudo isso contribui para o aumento da eficiência e da eficácia das campanhas.

No entanto, também existem desafios a serem enfrentados. Um deles é a necessidade de investimento em tecnologia e infraestrutura. A implementação da inteligência artificial requer a contratação de profissionais especializados, a adoção de ferramentas adequadas e a criação de uma cultura organizacional voltada para a inovação. Além disso, é preciso lidar com questões éticas, como a transparência na utilização de influenciadores virtuais e a proteção dos dados dos consumidores.

PUBLICIDADE - ADSTERRA

Casos de sucesso e tendências futuras

Além do caso do Magalu, outras marcas têm se destacado na utilização da inteligência artificial no marketing. A Nike, por exemplo, criou o influenciador virtual Miquela, que conquistou milhões de seguidores nas redes sociais e se tornou uma referência no mundo da moda. A Coca-Cola também investiu nessa tendência, criando o influenciador virtual Kuki, que interage com o público de forma divertida e criativa.

Esses casos de sucesso mostram o potencial da inteligência artificial no marketing e indicam uma tendência para o futuro. Acredita-se que cada vez mais empresas irão adotar essa tecnologia para impulsionar suas campanhas e se destacar em um mercado cada vez mais competitivo.

Conclusão

A inteligência artificial está transformando o marketing de forma significativa. A adoção dessa tecnologia permite que as empresas automatizem tarefas, criem influenciadores virtuais e personalizem as experiências dos consumidores. No entanto, é importante lembrar que a implementação da inteligência artificial requer investimento em tecnologia e infraestrutura, além de um cuidado especial com questões éticas. Aqueles que souberem aproveitar as oportunidades oferecidas pela IA terão uma vantagem competitiva no mercado atual e futuro.

"Eletrônico" por formação e jornalista por paixão, após 13 anos escrevendo no portal Tekimobile.com, criou em 2022 o JornalBits com o objetivo de mostrar que tecnologia e ciência não é um bicho de sete cabeças.
Tekimobile Midia LTDA - Todos os direitos reservados